O melanoma ocular não apresenta sintomas e pode evoluir com gravidade

Visitas frequentes ao oftalmologista e a realização de exames de rotina podem ajudar a prevenir um tipo de câncer raro: o que atinge os olhos. O melanoma ocular – câncer que atinge células produtoras de melanina, pigmento responsável pela coloração da pele e dos olhos – é o câncer de olho mais comum em pessoas adultas, mas, geralmente, não apresenta sintomas e pode evoluir com gravidade, causando metástase, ou seja, espalhando a doença para outros órgãos do corpo.

“Os pacientes podem não apresentar nenhum sinal de que algo esteja errado, e o tumor ser percebido durante o exame de rotina com o oftalmologista. Em outros casos, o melanoma pode causar alterações ou dificuldades visuais que fazem o paciente procurar uma ajuda médica que acaba resultando na descoberta da doença”, destaca a oncologista do Centro Paulista de Oncologia (CPO), Sheila Ferreira.

Segundo a médica, a causa do melanoma ocular é desconhecida, mas alguns fatores de risco para o desenvolvimento da doença já foram identificados. A incidência da doença aumenta com o envelhecimento e ocorre mais em homens, assim como em pessoas com pele clara, cabelos claros e olhos claros. Portadores da síndrome do nevo displásico (múltiplas pintas pelo corpo) também têm risco aumentado de apresentar o melanoma, assim como quem tem diferentes tipos de sinais no olho ou na pele.

De acordo com a especialista, fatores ambientais parecem não ter relação com o melanoma ocular e sua associação com exposição solar é incerta. A radiação ultravioleta, no entanto, parece predispor a outro tipo de câncer, o melanoma de conjuntiva (membrana transparente que recobre a parte branca do olho) e palpebral.

“Por isso, o uso de óculos escuros pode contribuir para a prevenção da doença nessas regiões do olho. Usar chapéus de aba larga e bonés também pode resguardar os olhos dos raios ultravioletas”, ressalta a médica.

Quando diagnosticado tardiamente, o melanoma ocular pode se espalhar para outros órgãos, sendo o fígado o órgão mais acometido, segundo a especialista. Nestes casos, os tratamentos podem incluir cirurgia da metástase, embolização da lesão (injeção de substâncias no intuito de bloquear ou diminuir o fluxo de sangue para as células cancerígenas), quimioterapia, ou imunoterapia.

A médica ressalta que a doença não se desenvolve apenas em quem apresenta fatores de risco, o que torna fundamental visitas frequentes a um oftalmologista.

Fonte: Agência Brasil


Saúde: Saiba os cuidados que o folião deve ter no carnaval

Especialistas dizem que é preciso se hidratar e evitar excessos Já é carnaval! São quatro dias de festa, no mínimo. Haja preparo físico e

Estudantes com deficiência auditiva vão ter acesso à tecnologia do

O prazo máximo para efetivar a oferta ao SUS é de 180 dias Os estudantes com deficiência auditivo, de qualquer nível acadêmico, vão poder

Anvisa aprova regras para liberação de terapias genéticas no

Tratamentos e medidas preventivas com modificação do DNA podem ajudar a tratar doenças como o câncer. A Agência Nacional de Vigilância

Aumenta para 5 o número de suspeitos de coronavírus no Brasil

O Ministério da Saúde passou a monitorar cinco casos suspeitos do novo coronavírus no Brasil, de acordo com o balanço divulgado nesta

Pessoas que se recuperaram do coronavírus tem sangue usado para

País pede que pessoas que se curaram de coronavírus doem plasma. Médicos afirmam que, em alguns casos, pacientes se recuperam em até 24

Treinamos as crianças a serem irritantes, diz psicoterapeut.

"Às vezes, elas (crianças) querem tanto a sua atenção que obter uma atenção negativa sua (com broncas ou brigas) é melhor do que não obter

Vigilância Epidemiológica realiza palestra contra a dengue

Teixeira de Freitas: A luta contra a dengue precisa da participação de todos. Neste conceito, a equipe de Vigilância Epidemiológica de Teixeira

Cai para três número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil

Total de casos descartados sobe para 45 em todo o país O número de casos suspeitos de infecção por coronavírus no Brasil caiu para três,

OMS diz que coronavírus já matou 1669 pessoas

Segundo Organização Mundial da Saúde, 51.857 casos já foram confirmados com exames, maior parte deles estão na China. A Organização Mundial

Sábado é dia D de vacinação contra sarampo, HPV, Meningite e

Teixeira de Freitas: Neste sábado (15), será o dia D de vacinação nacional contra o sarampo. Em Teixeira de Freitas, a Prefeitura/Secretaria de

Nossos Apoiadores: