Bolsa descolou-se do exterior e caiu por segundo dia seguido

Num dia de otimismo nos mercados globais com a posse do presidente norte-americano, Joe Biden, o dólar caiu depois de três altas seguidas. A euforia não se repetiu no mercado de ações. A bolsa de valores caiu pela segunda sessão consecutiva, descolando-se do exterior.

O dólar comercial encerrou esta quarta-feira (20) vendido a R$ 5,312, com recuo de R$ 0,034 (-0,63%). A cotação chegou a cair para R$ 5,28 na mínima do dia, perto das 14h, mas o ritmo de queda não se manteve no restante da tarde.

A expectativa de que o governo de Biden aprovará um pacote de estímulos de US$ 1,9 trilhão para enfrentar a pandemia de covid-19 ampliou os fluxos de recursos internacionais. A injeção de dólares na economia global reduz a pressão sobre o câmbio de países emergentes, como o Brasil. O dólar caiu perante as principais moedas do planeta.

No mercado de ações, o dia foi diferente. O índice Ibovespa, da B3, fechou a quarta-feira aos 119.646 pontos, com recuo de 0,82%. Apesar da entrada de capitais externos, que amenizou a queda, o indicador teve o segundo dia de baixa, não repetindo o desempenho de Wall Street.

As discussões sobre a eleição para a presidência da Câmara dos Deputados, com promessas de retorno do auxílio emergencial, interferem nas negociações, com a expectativa de que o governo aumente os gastos públicos sem encontrar outra fonte de recursos para financiar o benefício social.

* Com informações da Reuters

Fonte: Agência Brasil

Intenção de Consumo das Famílias cai 0,6% em fevereiro

Em relação a fevereiro de 2020, queda é de 25,3%, diz a CNC A Intenção de Consumo das Famílias (ICF), medida pela Confederação

Caixa amplia para R$ 12 bilhões a oferta de crédito agrícola

Banco anunciou abertura de 21 agências especializadas em agronegócio A Caixa Econômica Federal ampliou para R$ 12 bilhões o volume de

Veja a lista atualizada de cidades baianas com toque de recolher

A circulação de pessoas nas ruas e o funcionamento de serviços não essenciais passam a ficar restritos em 381 cidades baianas. O decreto nº

Câmara mantém prisão de Daniel Silveira

Votação ficou em 364 a 130 pela manutenção da decisão do STF A Câmara dos Deputados manteve, por 364 votos a favor, 130 contra e 3

Bolsonaro nomeia general para cargo de presidente da Petrobras

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta sexta-feira, 19, que vai substituir o atual presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, pelo

Prefeitura de Caravelas e Banco do Nordeste se reúnem buscando meios

Caravelas: A reunião aconteceu nesta quinta-feira (18), no gabinete do Prefeito de Caravelas, Silvio Ramalho, com presença de representantes do

Toque de recolher anunciado por Rui Costa valerá para 343 cidades

O toque de recolher anunciado pelo governador Rui Costa na noite de terça-feira (16) valerá para 343 cidades da Bahia, incluindo as oito que

Governo anuncia toque de recolher na Bahia a partir de sexta-feira

O governador da Bahia, Rui Costa, anunciou nesta terça-feira (16) que a Bahia terá toque de recolher por causa do avanço da pandemia da Covid-19

Teixeira: Conselho Tutelar emite Nota de Repúdio contra decreto da

Teixeira de Freitas: O clima está tenso entre o vereador Marcelo Teixeira e a secretária de Ação Social, Carla Rodrigues. Usando a Tribuna da

Governo altera decretos para ampliar acesso a armas e munições

O presidente Jair Bolsonaro alterou quatro decretos federais com o objetivo de desburocratizar e ampliar o acesso a armas de fogo e munições no

Nossos Apoiadores: