Pedido por ser feito por aplicativo Meu INSS ou por telefone

O segurado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que teve o auxílio-doença negado em 2020 pode agendar uma nova perícia médica até amanhã (16). O pedido deve ser feito pelo aplicativo Meu INSS ou pelo telefone 135.

Pode recorrer da decisão quem pediu o adiantamento do auxílio e teve o benefício negado e quem requereu o auxílio-doença a partir de 1º de fevereiro de 2020, mas não conseguiu passar pela perícia médica.

Desde setembro, as perícias voltaram a ser presenciais nas 491 agências do INSS em todo o país, após meses de atendimento virtual por causa da pandemia da covid-19. Apenas os médicos peritos pertencentes a grupos de risco – como pessoas com mais de 60 anos, grávidas, lactantes e pessoas com doenças graves – continuam trabalhando remotamente.

Ao ir para a perícia, o segurado deverá levar todos os documentos que comprovem o motivo do afastamento do trabalho, como laudos, exames, atestados e receitas médicas. O auxílio-doença é pago a empregados que não podem ir ao trabalho por mais de 15 dias em decorrência de enfermidade ou de acidente.

Para evitar a aglomeração de pessoas nas agências, o INSS antecipou, entre março e novembro, parte do auxílio doença. O segurado recebeu um adiantamento de até R$ 1.045 – valor do salário mínimo no ano passado – sem a necessidade de perícia. Após a confirmação do benefício pelo médico perito, a quantia recebida antecipadamente seria descontada dos futuros pagamentos.

De acordo com o INSS, a diferença entre o salário mínimo e o valor do auxílio doença, caso este seja superior ao mínimo, foi paga em dezembro. Eventuais ajustes estão sendo feitos neste início de 2021.

Fonte: Agência Brasil

Intenção de Consumo das Famílias cai 0,6% em fevereiro

Em relação a fevereiro de 2020, queda é de 25,3%, diz a CNC A Intenção de Consumo das Famílias (ICF), medida pela Confederação

Caixa amplia para R$ 12 bilhões a oferta de crédito agrícola

Banco anunciou abertura de 21 agências especializadas em agronegócio A Caixa Econômica Federal ampliou para R$ 12 bilhões o volume de

Veja a lista atualizada de cidades baianas com toque de recolher

A circulação de pessoas nas ruas e o funcionamento de serviços não essenciais passam a ficar restritos em 381 cidades baianas. O decreto nº

Câmara mantém prisão de Daniel Silveira

Votação ficou em 364 a 130 pela manutenção da decisão do STF A Câmara dos Deputados manteve, por 364 votos a favor, 130 contra e 3

Bolsonaro nomeia general para cargo de presidente da Petrobras

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta sexta-feira, 19, que vai substituir o atual presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, pelo

Prefeitura de Caravelas e Banco do Nordeste se reúnem buscando meios

Caravelas: A reunião aconteceu nesta quinta-feira (18), no gabinete do Prefeito de Caravelas, Silvio Ramalho, com presença de representantes do

Toque de recolher anunciado por Rui Costa valerá para 343 cidades

O toque de recolher anunciado pelo governador Rui Costa na noite de terça-feira (16) valerá para 343 cidades da Bahia, incluindo as oito que

Governo anuncia toque de recolher na Bahia a partir de sexta-feira

O governador da Bahia, Rui Costa, anunciou nesta terça-feira (16) que a Bahia terá toque de recolher por causa do avanço da pandemia da Covid-19

Teixeira: Conselho Tutelar emite Nota de Repúdio contra decreto da

Teixeira de Freitas: O clima está tenso entre o vereador Marcelo Teixeira e a secretária de Ação Social, Carla Rodrigues. Usando a Tribuna da

Governo altera decretos para ampliar acesso a armas e munições

O presidente Jair Bolsonaro alterou quatro decretos federais com o objetivo de desburocratizar e ampliar o acesso a armas de fogo e munições no

Nossos Apoiadores: