Alcobaça: A disputa eleitoral esse ano na cidade de Alcobaça promete fortes emoções. O pré-candidato à prefeitura de Alcobaça (Zico de Baiato), o principal oponente do atual prefeito Léo Brito, candidato a reeleição, realizou neste domingo, às 15h00, na cidade de Alcobaça, a Convenção do seu partido (PROS), onde foi homologada a pré-candidatura dele (Zico de Baiato) ao executivo municipal nas eleições deste ano. Após a batalha jurídica, que quase o deixou fora da disputa, por conta de desfiliação e nova filiação, o pré-candidato Zico de Baiato se fortaleceu, e a presença do povo na sua Convenção, demonstrou sua força.

Segundo os bastidores políticos da cidade de Alcobaça, a união do médico Dr. Pedro (que já havia se declarado pré-candidato e prefeito) com o atual prefeito Léo Brito, deixou dúvidas sobre os verdadeiros motivos dessa união. E após essa problematização ocorrida envolvendo o nome do pré-candidato Zico de Baiato, que quase o tirou da disputa eleitoral, a conversa em Alcobaça, é que há uma clara tentativa do grupo de Léo Brito tentar todos os artifícios para ganhar essa eleição de qualquer jeito. “O que se viu foi uma comoção popular, linda de se ver. O povo está apoiando Zico de Baiato”, disse um eleitor presente na Convenção.

A convenção homologou a pré-candidatura de Zico de Baiato à prefeitura de Alcobaça, após determinação judicial para que o processo de desfiliação de Zico, do PROS, e nova filiação no PP fosse anulado. A decisão foi do Juiz, Dr. Leonardo Vieira. "Portanto, presentes os requisitos necessários à concessão da tutela antecipada de urgência e diante do exposto, DEFIRO o pedido liminar para, com fulcro no art. 25 da Res. TSE nº 23.596/2019, DETERMINAR a reversão do cancelamento indevido do registro de filiação da Requerente ao PROS de Alcobaça, tornando esta regular para todos os efeitos, inclusive quanto à data de filiação original".

Entenda o caso

Recentemente, Alcobaça ficou alvoraçada com a notícia de que Givaldo Muniz, o Zico de Baiato, após problemas de desfiliação e nova filiação partidária, teria a sua candidatura comprometida. Documentos foram divulgados onde mostravam o pedido de desfiliação do PROS, e imediato pedido de filiação no PP. Esse ato, tornaria sua candidatura inviável por conta dos prazos. Os documentos são datados de 31 de agosto, e nossa equipe teve acesso a documentos que comprovaram essa estranha manobra política do candidato Zico de Baiato, às vésperas das eleições. Nossa equipe teve acesso ainda, ao site do TSE, que comprovou a nova filiação de Givaldo Muniz (Zico de Baiato) ao PP.

No entanto, o Givaldo Muniz entrou na Justiça, pedindo o cancelamento dessa nova filiação e retorno ao PROS, alegando ter sido vítima de falsificação de sua assinatura. O pedido foi deferido pela Justiça Eleitoral de Alcobaça, podendo o Zico de Baiato seguir com sua pré-candidatura. Porém, o caso ainda segue na Justiça. Segundo apurou nossa equipe de reportagem, a defesa de Léo Brito está entrando com ação para anular essa decisão da Justiça, alegando que são verdadeiras as assinaturas de Zico (em três documentos), inclusive com firma reconhecida em cartório.

O caso foi parar na polícia, que deverá pedir perícia nos documentos. Nossa equipe de reportagem conseguiu informações sobre o depoimento do vice-presidente do PP, Antônio Vitório, o qual está diretamente ligado nos fatos. A defesa de Zico de Baiato, acusa o Antônio Vitório de ser o mentor das falsificações. O Antônio disse que as assinaturas são verdadeiras, e que foram assinadas de livre e espontânea vontade, após um encontro entre Zico, ele (Antônio) e Léo Brito, fora da zona urbana de Alcobaça. O Antônio alega ainda que o Zico teria pedido a ele que reconhecesse a firma (assinaturas) em Teixeira, para não vazar antes do tempo, a sua desfiliação do PROS.

Convenção

Neste domingo (13), Zico de Baiato voltou a falar sobre o caso na Convenção do seu partido. “A mentira sempre tem perna curta. A verdade sempre aparece. Peço aos nossos eleitores, aos nossos apoiadores, não acreditem em pessoas que estão ai para espalhar notícias, para espalhar boatos. Estão aí para tentar burlar o processo eleitoral de Alcobaça a qualquer custo. E isso vai ser provado. Zico colocou o nome à disposição para ir até o final do processo. Abaixo de Deus, vocês que vão julgar isso, e a Justiça Eleitoral está aí para julgar a verdade. Estamos Juntos”. 

“É desespero do outro lado”, disse um eleitor. O povo compareceu, mostrando a força política de Zico de Baiato. De máscaras, usando álcool e gel, e gritando palavras de apoio ao pré-candidato, o evento entrou noite a dentro, e o povo não arredou o pé do espaço onde ocorria o evento. “O povo não aguenta mentira, não aguenta malandragem, todos querem uma Alcobaça melhor”, gritou outro eleitor”.

Por: Edvaldo Alves/Liberdadenews

Vereador Arnaldinho confirma em vídeo que não será candidato a

Teixeira de Freitas: O vereador Arnaldinho (PDT), publicou um vídeo recentemente nas suas redes sociais, confirmando a sua não candidatura ao

MP que recria o Ministério das Comunicações é aprovado

Texto será analisado pelos senadores A Câmara dos Deputados aprovou nesta segunda-feira (21) a Medida Provisória 980/20, que recria o

Fim da greve nos Correios é determinada pelo TST

Trabalhadores devem retornar ao trabalho amanhã O Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu determinar o fim da greve dos funcionários dos

Barroso defende trabalho da imprensa no combate à desinformação

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, disse que o país e o mundo nunca precisaram tanto da imprensa

Moro é intimado pela PF para depor em inquérito sobre atos

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro foi intimado nesta sexta-feira, 18, pela Polícia Federal (PF) a depor no inquérito do

Bolsonaro diz que ficar em casa 'é para os fracos'

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) parabenizou os produtores agrícolas que não ficaram em casa durante a pandemia e "não entraram na

STF atende pedido do Governo da Bahia e determina retirada da Força

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), deferiu na noite desta quinta-feira (17) a liminar pleiteada pelo Estado da Bahia, na

Projeto propõe que seja possível tirar CNH sem cursar autoescola

Um projeto de lei que propõe anular a obrigação de cursar uma autoescola para tirar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) está em

Juiz eleitoral no interior tem papel de polícia durante as

Prender figuras políticas ou lideranças por crimes eleitorais e ajudar a reprimir excessos na disputa. O juiz Freddy Pitta Lima, membro efetivo

Vídeo: Convenção partidária do PT em Lajedão confirma aliança

Lajedão: O Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores, no município de Lajedão, na região do Extremo Sul da Bahia, causou uma grande

Nossos Apoiadores: